Contribui ção ao estudo de aços austeníticos empregando a técnica de revestimento

Arildomá Lobato Peixoto, 2004.
Orientador: Prof. Dr. Carlos Alberto Mendes da Mota
 
Resumo
 
E. Harry Brearly, estudava uma liga Fe-Cr (13%) e justamente quando tentava fazer algumas observações metalográficas verificou que a liga fabricada resistia a maior parte dos reagentes que se utilizavam na época (1912) em metalografia. E foi Brearly mesmo que deu o nome a liga, chamando-a de "stainless steel" que traduzindo quer dizer "aço que não mancha”, nascia assim uma nova classe de aço, os conhecidos hoje aços inoxidáveis. Sabemos que grande é a aplicação desses aços nos mais variados ramos da indústria, pois estes possuem uma característica peculiar que os diferem dos outros tipos de aços, são mais resistentes a ambientes corrosivos. Sendo assim, torna-se grande sua utilização onde a resistência à corrosão é uma solicitação importante. Os aços inoxidáveis por sua vez são classificados em algumas famílias de acordo com a estrutura cristalina das fases presentes, microestrutura e tratamento térmico utilizado. Dentre essas famílias podemos destacar os aços inoxidáveis austeníticos que são os aços inoxidáveis de melhor soldabilidade e melhor resistência à corrosão quando comparado com as outras classes de aços inoxidáveis justificando assim sua aplicação onde há exigências quanto a essas propriedades como na indústria química, petroquímica, nuclear, etc... Na indústria petroquímica os aços inoxidáveis austeníticos são utilizados nas torres de destilação com o objetivo de conter o efeito corrosivo provocado pelo ácido naftênico que ataca as paredes das torres fazendo que haja necessidade de eventuais paradas para recuperação,reparos e/ou substituição dos componentes danificados. A soldagem de revestimento (Weld Overley), através o processo de GMAW gás inerte, é uma técnica que vem sendo indicada para conter a ação corrosiva desses ácidos nas torres de destilação, com objetivo de melhorar o desempenho dessas unidades de beneficiamento de petróleo. Esse trabalho analisa a aplicação dessa técnica de revestimento, estabelecendo pacotes operacionais na soldagem GMAW pulsado fazendo comparação com pacotes em GMAW convencional e também avaliando as características geométricas dos cordões de solda. Palavras chave: GMAW, revestimento, Aço inoxidável.
 
Universidade Federal do Pará - Rua Augusto Corrêa, n.1 - Guamá - Belém - PA
® Desenvolvido por GETSOLDA